Rússia e China abrem novo corredor de mercadorias através da Mongólia até 2017

Presidentes da Rússia e da China, Vladimir Putin e Xi Jinping. Foto: Kremlin.ru

A Rússia e a China planejam abrir um novo corredor de trânsito de mercadorias através da Mongólia até o fim do ano, disse o chefe da Agência de Transporte de Automóveis do Ministério dos Transportes da Rússia, Aleksei Dvoinykh.

Moscou preocupada com planos dos EUA de colocar novas bombas nucleares na Europa

Ministério das Relações Exteriores da Rússia. Foto: http://www.mid.ru

Moscou está preocupada com o deslocamento de novas armas, incluindo nucleares, para perto das fronteiras russas, diz vice-ministro das Relações Exteriores da Rússia Sergei Ryabkov.

Palavra do Presidente - A Força do Soft Power

Gilberto Ramos, Presidente da Câmara Brasil-Rússia de Comércio, Indústria e Turismo

Entre os Gladiadores da Roma Antiga existia um lema que é adotado até hoje pelos atletas das Lutas Olímpicas: “Força e Honra”. O que se observa hoje é o uso da força, que longe de ser branda, está a anos-luz da honradez.

Rússia e Reino Unido podem iniciar nova fase nas relações bilaterais

Theresa May e Vladimir Putin, setembro de 2016. Foto: Kremlin.ru (http://en.kremlin.ru/events/president/news/52822/photos/45435)

O recente encontro entre o presidente da Rússia, Vladimir Putin, e a primeira-ministra britânica, Theresa May, pode ser visto como introdução a uma nova fase nas relações bilaterais, aumentando as perspectivas de negócios, segundo afirmou à Sputnik nesta terça-feira o diretor executivo da Câmara de Comércio Russo-Britânica (R

Rússia não vende seus territórios, mas a paz com Japão é importante, afirma Putin

Ilha Atlasov, uma das Ilhas Curilas. Foto: Domínio público, https://commons.wikimedia.org/w/index.php?curid=582906

O presidente da Rússia Vladimir Putin, na véspera das negociações com o premiê japonês Shinzo Abe dedicadas à disputa territorial sobre as Ilhas Curilas, declarou que Moscou "não vende seus territórios", classificando o assunto do acordo de paz entre os dois países como uma questão chave.

Tentativa de isolar Rússia provocou efeito contrário

Cúpula do G20. Foto: Kremlin.ru (http://en.kremlin.ru/events/president/news/52828/photos#photo-45437)

Dois anos atrás, na cúpula do G20 na cidade australiana de Brisbane, a Rússia foi recebida de forma fria e era visível a intenção de isolar Moscou. Entretanto, desde aquele momento, a influência russa cresceu a tal ponto que não pode ser ignorada, afirmou o correspondente da emissora norte-americana CNN, Matthew Chance.

Jogos Olímpicos e Paraolímpicos se tornaram como a competição pessoal dos Estados Unidos

Equipe paralímpica russa durante cerimônia de hasteamento da bandeira na Londres-2012. Foto:Anton Denisov/RIA Nôvosti

Membro do Comitê Estatal da Duma (de Cultura Física, Desporto e Juventude), o Presidente da Federação Internacional Sambo da Russia Sr. Vasily Shestakov expressou esta vista para agência de notícias TASS.

Na terça-feira soube-se que o Tribunal de Arbitragem do Esporte, em Lausanne (CAS) rejeitou o pedido do Comitê Paraolímpico Russo (RCC) sobre a não admissão da equipe russa para participar nos Jogos no Rio de Janeiro.

Bielorrússia vai desfilar com bandeiras russas na abertura de Paralímpicos

A atleta paralímpica Terezinha Guilhermina. Foto: BY Fanny Schertzer (Own work) [CC BY-SA 3.0 (http://creativecommons.org/licenses/by-sa/3.0)], via Wikimedia Commons

O chefe do Comitê Paralímpico da Bielorrússia classificou o afastamento dos atletas paralímpicos russos dos Jogos como o passo mais incorreto de toda a história do movimento paralímpico.

Negócios: Seminário Dia da Rússia - Dia da Rússia | Câmara Brasil-Rússia, Embaixada da Rússia no Brasil e CasaRio

Dia da Rússia.

Negócios - Encontro organizado pela Câmara Brasil-Rússia e Embaixada da Rússia, em parceria com a agência de negócios da Prefeitura do Rio, a Rio Negócios reúne atletas e personalidades ligadas ao esportes. Os temas em debate serão 'A Indústria do Esporte e Políticas Públicas'; 'Desenvolvimento do Setor Energético e Sustentabilidade'; e 'Promoção e Incremento do Turismo através dos Megaeventos'.

O antigo dialeto russo falado nos rincões do Brasil

Colônia Santa Cruz - Colônia dos Russos

Em entrevista para o site Gazeta Russa, a dialetóloga Olga Rovnova, do Instituto de Língua Russa Vinogradov, da Academia Russa de Ciências, fala sobre costumes de um grupo de fiéis que, para preservar suas crenças e tradições, viajaram ao longo de 300 anos dos territórios da Sibéria e do Extremo Oriente para a América, do Alasca ao Brasil.

Jornalista explica popularidade de Putin na Rússia

Presidente russo Vladimir Putin.

O apresentador Fareed Zakaria do canal CNN, que moderou o painel do Fórum Econômico Internacional em São Petersburgo (SPIEF, na sigla em inglês), explicou as razões da popularidade do presidente russo Vladimir Putin.

"Ele raramente se comunica com a imprensa estrangeira", afirmou Zakaria durante uma entrevista ao canal CNN. O jornalista confirmou que para ele "a coisa mais interessante foi ficar com Putin em uma sala antes da reunião".

"Ele fala fluente em Inglês, sem muito sotaque", disse o repórter.

China acusa Temer e Serra de boicotarem os BRICS

Em governo interino, José Serra altera política externa brasileira.

O governo interino de Michel Temer, através do chanceler José Serra, altera direção da política externa do Brasil e estaria boicotando o grupo BRICS (Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul), segundo publicação da agência chinesa Xinhua, que é diretamente ligada ao governo do país.

"O presidente interino, Michel Temer, se aproveitou para alterar a estratégia diplomática do país e deixar de priorizar as relações com os BRICS", assinala o artigo, assinado por editores da Xinhua no Rio de Janeiro e em Pequim.

População da Transnístria é favorável à integração na Rússia

Rua central de Tiraspol, capital da Transnístria.

Segundo o Centro de Pesquisa de Opinião Pública da Rússia (VTsIOM) cerca de 86% da população da Transnístria - república autoproclamada em território da Moldávia - considera a integração na Rússia ótima para o desenvolvimento.

Rússia pretende promover renovação tecnológica

A Rússia pretende promover renovação tecnológica. Há interesse em novas tecnologias e investimentos, declarou o presidente Putin.

“No âmbito dos programas de substituição das importações nós criamos na Rússia fortes empreendimentos, capazes de concorrer em mercados estrangeiros. Para aumentar a sua eficiência, pretendemos promover uma séria renovação tecnológica e, portanto, temos o interesse de que tecnologias modernas também cheguem até nós juntamente com os capitais” – disse Putin.

Rússia faz último apelo para punição por doping terminar antes da Rio 2016

A atleta russa Yelena Isinbayeva pode ficar fora do Rio 2016.

Um dia antes de sair o veredicto da Federação Internacional de Atletismo (IAAF) sobre a participação da Rússia na Olimpíada de 2016, as autoridades do país garantiram ter feito "todo o possível" para que a suspensão de competições internacionais chegue ao fim. Embora o ministro de Esportes russo, Vitaly Mutko, diga ter obedecido às exigências de controle de dopagem, a Agência Mundial Antidoping (Wada) voltou a denunciar problemas no país.

Bolívia convida Rússia para prospecção conjunta de gás

A Bolívia assinou um acordo com a Gazprom para a prospecção de três campos nesse país latino-americano, um passo prévio ao processo de exploração, segundo informou o ministro de Hidrocarbonetos e Energia, Luis Alberto Sánchez, durante o Fórum Econômico Internacional de São Petersburgo (SPIEF na sigla em inglês).

Rússia não quer praticar caridade levantando suas contrassanções

O porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov, acha que o levantamento das contramedidas será como um ato de filantropia. Fazer beneficência e revogar as contramedidas, no âmbito de uma interpretação errada dos Acordos de Minsk pelos parceiros estrangeiros, seria falho de bom senso, declarou ele.

Putin pede recuperação de confiança entre UE e Rússia

Em seu discurso no Fórum Econômico Internacional de São Petersburgo nesta sexta-feira (17), Putin afirmou que Moscou está pronto para dar um passo em frente se for tomada a decisão de revogação das sanções pela UE.

Banco Mundial melhora previsão de crescimento da economia russa

Centro Internacional de Negócios de Moscou, Moskva City. Foto CC BY-SA 4.0 - http://creativecommons.org/licenses/by-sa/4.0

Reformas econômicas, incluindo a desvalorização do rublo, e aumento do preço do petróleo são fatores-chave para melhor performance do país, dizem economistas.

De acordo com as recentes previsões do Banco Mundial, o PIB russo irá cair em torno de 1,2% em 2016, contra 1,9% previsto anteriormente. Em 2017, o índice apresentará um crescimento de 1,4%, e, em 2018, de 1,8%.

Rússia poderá ter que salvar novamente a Europa de si mesma

Hoje em dia, quando os islamistas radicais continuam fomentando uma verdadeira guerra contra a Humanidade, será que o Ocidente tem alguma alternativa além da aliança com a Rússia? Esta pergunta é colocada por G. Murphy Donovan, ex-colaborador da inteligência americana.

Rússia e Brasil avançam em parcerias nucleares apesar de crise econômica

Conhecida mundialmente por suas matrioscas, vodca e o caviar, a Rússia tem investido pesadamente na criação de outra marca registrada, sobretudo, entre os países em desenvolvimento: tecnologia nuclear. O país sediou o maior congresso de energia nuclear do mundo, que reuniu milhares de participantes de 50 países em Moscou na primeira semana de junho. O evento foi patrocinado pela estatal russa de energia nuclear Rosatom.

Rússia descarta risco de propagação da zika durante Olimpíadas no Rio

O Aedes aegypti transmite dengue e zika.

Declaração foi feita após envio de carta aberta à OMS pedindo suspensão ou transferência dos Jogos. A situação está sob controle, afirmou epidemiologista russa.

Os participantes dos Jogos Olímpicos no Brasil não sofrem grande risco de infecção pelo vírus da zika no atual momento, declarou a chefe da agência para direitos dos consumidores (Rospotrebnadzor) e epidemiologista-chefe da Rússia, Anna Popova.

Europa está pronta para cooperar com BRICS

Reunião de Cúpula dos BRICS oficializou a criação do NDB, banco dos BRICS.

O Banco Europeu de Investimentos (BEI) está pronto para celebrar um acordo de cooperação com o Novo Banco de Desenvolvimento (NBD), disse à agência RIA Novosti o presidente do BEI, Werner Hoyer.

Na segunda-feira (30) foi celebrado em Pequim o memorando de entendimento entre o BEI e o Banco Asiático de Investimento em Infraestrutura (AIIB) que prevê investimentos conjuntos em vários projetos.

Ministro alemão propõe levantamento gradual das sanções anti-Rússia

O ministro das Relações Exteriores da Alemanha, Frank-Walter Steinmeier, propôs analisar a perspectiva de um levantamento gradual das sanções impostas à Rússia, vinculando esse possível processo com o progresso no cumprimento dos acordos de Minsk sobre a Ucrânia

Brics poderão criar prêmio alternativo ao Oscar

O Sol Enganador, longa vencedor do Oscar de Melhor Filme Estrangeiro em 1995.

Rússia, China e Índia já firmaram acordo para criar Academia Eurasiana de Cinema. “Nosso público não tem acesso a outras produções”, diz cineasta russo vencedor do Oscar.

Um prêmio semelhante ao Oscar poderá ser instituído nos países do Brics (Brasil, Rússia, China, índia e África do Sul) por sugestão de Nikita Mikhalkov, presidente da União dos Cineastas da Rússia e vencedor do Oscar de melhor filme estrangeiro em 1995 pelo longa “O Sol Enganador”.

Tags: 

Bancos russos se preparam para deixar a Ucrânia

Sberbank, VTB e Vnesheconombank mantêm negociações para venda de suas subsidiárias na Ucrânia. Situação está extremamente politizada, afirmam economistas.

Com o congelamento das relações Moscou-Kiev, os bancos russos que oferecem crédito, como Sberbank, VTB e Vnesheconombank, estão tentando vender suas filiais na Ucrânia para fugir do mercado vizinho.

Inflação na Rússia pode cair para 6% até o final de 2016

A inflação na Rússia pode baixar para 6% até o final de 2016, afirmou o ministro das finanças russo Anton Siluanov.

"Agora a inflação está em torno de 7% e esperamos que caia para 6% até o final de 2016, ou ainda mais", disse o ministro.

No final de 2015 a inflação na Rússia atingiu 12,9%. O Ministério do Desenvolvimento Econômico prevê queda da inflação para 6,5% até o final de 2016. O Banco Central prevê queda para 6% a 7%.

Rússia pode colher sua maior safra de grãos desde 2008

Rússia pode colher sua maior safra de grãos desde 2008, diz SovEcon

A Rússia, grande exportadora global de trigo, pode colher sua maior safra desde 2008. A previsão é da SovEcon, importante consultoria agrícola. A SovEcon elevou sua projeção para a safra de grãos nesta quinta-feira para 105,4 milhões de toneladas em 2016. O país, que exporta trigo para o Norte da África e o Oriente Médio, tem visto condições climáticas favoráveis nos últimos anos e há amplas expectativas de que colha mais de 100 milhões de toneladas de grãos pelo terceiro ano consecutivo.

Universidades russas no ranking anual da THE - Times Higher Education

Universidade Estatal de Moscou Lomonossov

Três universidades russas foram incluídas no Top 100 das melhores universidades do mundo segundo sua reputação. O ranking, anual, é elaborado pela Times Higher Education (THE), a principal publicação dedicada ao ensino superior no Reino Unido.

FMI prevê crescimento econômico da Rússia em 2017

FMI (Fundo Monetário Internacional) prevê um crescimento de 0,8% da economia russa em 2017. Segundo estimativas de analistas do organismo internacional, a recessão na Rússia está acabando e o país voltará a crescer no ano que vem.

FMI prevê crescimento econômico de 0,8% para Rússia em 2017

Mostra de Animação Russa na Caixa Cultural do Rio

A Caixa Cultural Rio de Janeiro apresenta, de 17 a 29 de maio de 2016, a Mostra de Animação Russa, com a exibição de 45 desenhos de 20 animadores, realizados entre os anos de 1950 e 2014.

Programação conta com 45 desenhos animados russos, de 20 animadores, destinados ao público infantil e adulto.

Ouriço no nevoeiro, de Yuri Norstein, está na programação.

Data: 17/05/2016 a 29/05/2016Como Chegar 

Como a educação afeta o desenvolvimento econômico

Google é russo porque fuga de cérebros não foi impedida - não até agora.

Hoje, a Rússia está sentindo falta de capital humano, uma das principais pré-condições para o desenvolvimento econômico estável do país. É impossível realizar reformas econômicas quando falta confiança no Estado e nos cidadãos.

Para preservar essa confiança, o Estado deve cumprir suas obrigações com o povo, entre elas na área de educação: os jovens devem ter toda a certeza de que suas atividades serão úteis para o futuro.

Exportação de lácteos para Rússia totalizaram R$ 2,5 mi em 2015

A Rússia é um dos principais alvos do esforço do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) para ampliar as exportações de produtos lácteos. Em 2015, as exportações do setor para aquele país somaram US$ 2,5 milhões. Os resultados das ações do Mapa para intensificar os negócios com o mercado russo na área de lácteos foram apresentados durante o lançamento do Sistema de Monitoramento da Qualidade do Leite (SIMQL), nesta terça-feira (3), em Brasília.

Rússia e EUA atingem entendimento total e podem ‘cortar fontes’, diz general russo

O Ministério da Defesa da Rússia e o Departamento da Defesa dos EUA alcançaram “o entendimento total” no que se refere aos voos das forças aéreas na Síria, declarou o major-general Igor Konashenkov, representante oficial da austeridade russa.

O Ministério da Defesa da Rússia e o Departamento da Defesa dos EUA alcançaram “o entendimento total” no que se refere aos voos das forças aéreas na Síria, declarou durante um briefing na quarta-feira (4) o major-general Igor Konashenkov, representante oficial da austeridade russa.

Rússia propõe fornecimento de água doce à China

Rússia propõe fornecimento de água potável para China

Moscou apresentou para China proposta de fornecimento de água potável, disse o ministro da Agricultura russo, Aleksandr Tkachev.

"Estamos prontos a apresentar um projeto para transporte de água doce a partir do território de Altai através do Cazaquistão para a região autônoma árida de Xinjiang, na República Popular da China. No futuro mais próximo vamos realizar consultas com os nossos colegas do Cazaquistão", disse o ministro.

Rússia defende a admissão de membros no Conselho de Segurança da ONU

O vice-representante permanente da Rússia na ONU, Vladimir Safronkov, declarou que seu país defende a admissão de novos membros permanentes no Conselho de Segurança

“Nós, como uma questão de princípios, defendemos a ampliação da representatividade no Conselho de Segurança de países da Ásia, África e América Latina, independente dos resultados da reforma (do órgão)”, disse Safronkov durante a sessão da Assembleia Geral, dedicada à reforma do Conselho de Segurança. 

Cooperação espacial é fator estabilizador nas relações entre Rússia e Estados Unidos

Cooperação espacial é fator estabilizador nas relações entre Rússia e Estados Unidos, aponta NASA

O chefe da agência espacial americana NASA, Charles Bolden, declarou nesta quarta-feira (27) que a cooperação dos Estados Unidos e da Rússia no espaço representa um fator "estabilizador" nas relações entre os dois países.

Moscou investirá US$ 960 milhões na reconstrução da Síria

Moscou investirá US$ 960 milhões na reconstrução da Síria

Contratos firmados visam ao restabelecimento de malha energética e produção petrolífera.

O premiê sírio Wael Al-Halqi anunciou na última segunda-feira (25) que o país assinou um acordo com a Rússia para a restauração da infraestrutura no país. O investimento russo na reconstrução do país estaria na casa dos 850 milhões de euros (R$ 3,4 bilhões).

A tarefa mais urgente seria a restauração do abastecimento de energia e da indústria petrolífera.

Os desafios de aprender russo como língua estrangeira

Em entrevista, profissional do Instituto Púchkin fala sobre dificuldades de alunos sem experiência prévia com idioma e tempo necessária para se ler um original de Tolstói.

O ensino de russo como língua estrangeira é um dos assuntos mais populares entre os estudantes estrangeiros que vão estudar na Rússia e está presente no currículo de praticamente qualquer grande universidade que tenha um departamento filológico.

Ao completar este programa, o aluno não só se torna proficiente em russo, mas também está qualificado para ensiná-lo como idioma estrangeiro.

Quase dois anos de sanções: 'Sim, a Rússia pode viver sem a Europa Ocidental'

Quase dois anos de sanções: 'Sim, a Rússia pode viver sem a Europa Ocidental'

Após quase dois anos de sanções, decretadas pelos EUA e países da Europa Ocidental, um colunista da revista Forbes chegou à conclusão que a Rússia pode viver sem a Europa.

O colunista Kenneth Rapoza partilhou esta opinião em um dos seus últimos artigos, admitindo que ainda há muito para fazer para substituir completamente as mercadorias europeias. Segundo ele, o efeito das medidas de resposta russas é bastante maior.

Conselho da OTAN se reúne com Rússia pela primeira vez desde 2014

Conselho da OTAN se reúne com Rússia pela primeira vez desde 2014

Contato foi suspenso por aliança após escalada da crise ucraniana. Reunião de altos funcionários ocorreu em Bruxelas na quarta-feira (20).

Na última quarta-feira (20), o Conselho Rússia-OTAN voltou a se encontrar após um hiato de quase dois anos desde a última reunião. ´

Com o aprofundamento da crise na Ucrânia e a integração da Crimeia pela Rússia, o país e a Organização do Tratado do Atlântico Norte acabaram se distanciando e suspendendo toda a cooperação alcançada até 2014.

Presidente da FIFA: Copa de 2018 na Rússia será a melhor na história do futebol

O presidente da FIFA, Gianni Infantino, ficou impressionado com a preparação da Rússia para a Copa do Mundo de 2018, dizendo que tudo segue de acordo com o planejado.

"Estou impressionado com o que está acontecendo com o futebol neste país, não somente com a preparação para a Copa do Mundo de 2018, mas também com os planos da União de Futebol da Rússia de desenvolvimento do futebol no país", disse Infantino, segundo o site oficial da FIFA.

'Europa não tem alternativa ao gás russo'

A Sérvia, ao comprar o gás russo, paga 39% menos do que se comprasse de fornecedor, disse em uma entrevista Dusan Bajatovic, presidente da empresa estatal de gás Srbijagas. Ele também manifestou esperança de que o projeto do gasoduto South Stream (Corrente do Sul) seja retomado.

Em entrevista ao jornal sérvio Danas, Dusan Bajatovic desfez o mito de que a Gazprom não dá facilidades ao seu parceiro estratégico.

“Isto é a mentira escandalosa… a Sérvia paga $138 por cada mil metros cúbicos de gás da Rússia”, disse Bajatovic.

Novo Banco dos BRICS aprova primeiro pacote de créditos

Projeto do Brasil terá maior fatia entre os do setor energético, de 300 milhões de dólares.

O conselho de diretores do Novo Banco de Desenvolvimento do BRICS aprovou o primeiro pacote de créditos, que soma um total de 811 milhões de dólares para projetos no setor energético.

Os projetos foram apresentados no encontro paralelo, em Washington, do banco na sessão do segundo trimestre de 2016 dos órgãos dirigentes do Banco Mundial e do Fundo Monetário Internacional.

Roscosmos: Rússia e EUA querem aumentar a eficiência de sua cooperação na EEI

A Rússia e os EUA estão discutindo as possibilidades de aumentar a eficiência de sua cooperação na Estação Espacial Internacional (EEI), incluindo a necessidade de otimização dos padrões de acoplamento usados por ambos os países, informou Sergei Savelyev, vice-diretor da Roscosmos, a estatal russa.

Nas suas palavras, durante o último encontro de representantes da Roscosmos com a diretoria da NASA, realizado em Washington, os lados “discutiram, antes de tudo, questões relativas ao aumento da eficiência da cooperação na EEI, bem como futuros projetos conjuntos”.

NASA está interessada em utilizar cosmódromo russo Vostochny

Roscosmos: NASA está interessada em utilizar cosmódromo russo Vostochny

Um alto funcionário da Roscosmos, a corporação espacial russa, disse que a NASA e a Roscosmos ainda não decidiram de que maneira poderão utilizar conjuntamente o cosmódromo Vostochny, no Extremo Oriente da Rússia, mas sublinhou que este assunto poderá ser discutido em breve.

Os EUA e outros parceiros da Rússia estão interessados no novo cosmódromo, embora a NASA não tenha divulgado nenhum plano concreto, disse o alto funcionário esta terça-feira (19).

Empresas brasileiras podem contribuir para melhora das Aduanas da Rússia

Bandeira do Brasil e bandeira da Rússia

 

 

 

 

 

Prezados Senhores,

Pela presente, informamos sobre a possibilidade da sua participação no processo de melhoria do trabalho dos órgãos aduaneiros da Rússia, através da cooperação com entidades em empresas brasileiras.

Fábrica de processamento de caranguejo mira o Brasil

Empresa do enclave de Kaliningrado quer fornecer frutos do mar ao país.

A empresa Vitchiunai Rus, localizada no enclave russo de Kaliningrado, está próxima de realizar seus planos de exportar patas de caranguejo para o Brasil. A informação é do chefe do Rosselkhoznadzor (serviço fitossanitário russo) , Serguêi Dankvert. Dankvert falou sobre os planos de exportação da fábrica na última segunda-feira (28), antes de partir para o Uruguai para participar do fórum de negócios "Na Rússia e na América Latina: que podemos juntos."

Brasil ganhará nova estação Glonass em abril

Estação para corrigir precisão de satélites deve impulsionar parcerias no setor espacial.

A quarta estação para aperfeiçoamento da precisão do sistema de localização via satélite russo Glonass no Brasil deverá ser inaugurada já em abril na Universidade de Santa Maria, de acordo com o porta-voz do Roscosmos no Brasil, Guennádi Saenko.

"A inauguração da estação Glonass em território brasileiro dará um impulso adicional a outros projetos conjuntos bilaterais no setor espacial", ressaltou Saenko.

Comitê Olímpico descarta suspensão de atletismo russo dos Jogos Rio 2016

Comitê Olímpico descarta suspensão de atletismo russo dos Jogos Rio 2016. A polêmica surgiu após série de casos de doping envolvendo atletas russos. Apesar de apoio do COI, federação mundial de atletismo mantém proibição até segunda ordem.

O COI - Comitê Olímpico Internacional exclui a possibilidade das equipes esportivas de atletismo da Rússia deixarem de participar dos Jogos Olímpicos de 2016, no Rio de Janeiro, segundo o presidente do COR - Comitê Olímpico Russo, Aleksandr Jukov.

Funarte lança publicação inédita sobre Stanislávski

O livro "Vida, obra e sistema", do dramaturgo Aimar Labaki e da professora do programa de Literatura e Cultura Russa da USP Elena Vássina, reproduz trechos com as próprias palavras do teatrólogo, em versão do idioma russo.

A obra foi elaborada a partir da seleção e tradução do material desenvolvido pelo diretor de teatro russo Konstantin Stanislávski (1863-1938).

A publicação de 344 páginas inclui recortes dos cadernos de anotações, registros dos ensaios e cartas do teatrólogo, além de depoimentos e memórias dos atores, diretores, colegas e discípulos de Stanislávski.

Brasil, assim como a Rússia, está sob ataque da ‘Guerra Híbrida’

Em seu mais recente artigo, o analista de geopolítica internacional Pepe Escobar analisa o atual cenário político do Brasil à luz da influência externa sobre o país. Para ele, tanto o Brasil, como a Rússia, estão sob ataque do que o autor chama de ‘Guerra Híbrida’, uma mistura de ‘revolução colorida’ com ‘guerra não-convencional’.

Medvedev: terror em Bruxelas pode alterar prioridades da política externa

“O que correu após os ataques terroristas na Bélgica pode influenciar a tomada de decisão no domínio da política externa russa e da economia. Os ataques terroristas em Bruxelas não podem ficar sem consequências”, disse Medvedev, o Chefe de Governo russo.

Ainda nesta 4ª feira, 23 de março, em uma reunião com o ministro do Exterior alemão, Frank-Walter Steinmeier, Medvedev acrescentou:

"É claro que tais ataques não permanecem sem consequências. Eles certamente terão  impacto sobre as políticas da UE, e, provavelmente, nas nossas decisões”.

Por que razão a Rússia está retirando suas forças da Síria?

A Rússia tomou uma decisão estratégica ao anunciar a retirada das suas forças da Síria, nisso coincidem vários cientistas políticos.

A respectiva decisão foi anunciada ontem (14) pelo presidente russo, Vladimir Putin. Ele afirmou que "a tarefa colocada ao Ministério da Defesa e às Forças Armadas russas na República Árabe Síria está de um modo geral cumprida".

Mercado de açúcar da Rússia enfrenta excesso de oferta em 2016, diz associação

MOSCOU (Reuters) - O mercado de açúcar doméstico da Rússia enfrentará um excesso de oferta se os produtores aumentarem a área de cultivo de beterraba em 2016, disse o líder da Associação de Produtores de Açúcar do país, Andrey Bodin, em uma conferência nesta quinta-feira.

A Rússia tem aumentado a produção de açúcar doméstica nos últimos anos, com o país visando se tornar autossuficiente em vez de ser um grande importador global.

"Se nossos produtores cultivarem mais, então pode haver uma superprodução em nosso mercado", disse Bodin.

Rússia apresenta o Burlak, veículo off-road que pretende alcançar o Polo Norte

Produto russo, o Burlak,é um veículo anfíbio sofisticado e capaz de alcançar o Polo Norte de modo autônomo.

Veículos off-road como este podem ser usados em expedições científicas em condições climáticas severas na região do Ártico. Com porte robusto –quatro toneladas, mais de seis metros de cumprimento, 2,9 metros de largura e 3,2 metros de altura – o Burlak é a proposta para a expedição de 2018.

Cursos universitários gratuitos na Rússia

Concurso para cursos universitários gratuitos na Rússia, destinado à estrangeiros, foi anunciado pela Rossotrudnichestvo (Agência Federal para Assuntos da Comunidade dos Estados Independentes, Compatriotas Residentes no Estrangeiro e Cooperação Humanitária Internacional). O concurso para jovens estrangeiros estudarem em universidades russas gratuitamente contemplará 15.000 estudantes. Os que ficarem fora dessa classificação, terão a opção de se matricular em uma universidade privada.

Rosneft inicia perfurações no Amazonas

Após concluir a compra dos ativos da PetroRio (ex-HRT) na Bacia do Solimões, no ano passado, a gigante russa Rosneft se prepara agora para iniciar suas primeiras perfurações no Amazonas. A companhia assumiu recentemente um compromisso com a Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) para perfurar ao menos sete novos poços até 2019, com o objetivo de avaliar as descobertas de gás natural feitas pela antiga operadora da área, a HRT. E já deu início aos primeiros investimentos na região, para aquisição de dados sísmicos.
 

Brasil e Rússia podem ampliar cooperação esportiva, diz câmara bilateral

A realização dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016 no Brasil esse ano e da Copa do Mundo da Rússia, em 2018, abre possibilidades para ampliar a cooperação esportiva entre os dois países, de acordo com o presidente da Câmara Brasil-Rússia de Comércio, Indústria e Turismo, Gilberto Ramos.

Glasnost está acontecendo no Brasil

 

 

Fornecer instrumentos para manter e expandir a corrente comercial e, principalmente, fazer com que aumente a relação de investimentos entre Brasil e Rússia. Este são alguns dos objetivos que a Câmara Brasil-Rússia de Comércio, Indústria e Turismo vem implementando ao longo dos anos, desde a época da extinta União Soviética, conforme disse ao MONITOR MERCANTIL seu presidente, Gilberto Ramos, acrescentando que a entidade é do setor privado, sem fins lucrativos, e tem por objetivo o fomento, desenvolvimento e adensamento em linhas gerais das relações entre os dois países.

 

Assembleia Geral das Nações Unidas aprovou uma resolução liderada pela Rússia

Durante a sessão da 70ªAssembleia Geral da ONU, na terça-feira (8), 129 nações votaram a favor da medida para coibir a implantação de armamento no espaço exterior. A iniciativa teve colaboração de 40 países, entre eles Brasil, China e Síria.

O objetivo é evitar uma nova corrida armamentista, e potencialmente devastadora, entre os países mais líderes em navegação espacial – Rússia, China e Estados Unidos –, que vêm trabalhando em armas espaciais.

A Rússia começou negociações com o Brasil e a Indonésia sobre o possível fornecimento de caças Sukhoi Su-35

Segundo declarou o chefe da corporação estatal russa Rostec, Sergey Chemezov, na segunda-feira, 9 de novembro.

O caça Su-35 (código da OTAN — Flanker-E) é a versão mais moderna do caça multipropósito Su-27. Ele foi pela primeira vez apresentado ao mercado fora da Rússia em 2013.

"O interesse pelo caça é grande, mas ainda foram assinados contratos. Além disso, os Emirados Árabes Unidos, a Indonésia e o Brasil estão interessados nele," disse Chemezov nas declarações à imprensa.

Moscou sediará negociações e discussões entre as universidades mais importantes do grupo BRICS.

De 26 a 28 de outubro, quatro universidades de Moscou (Universidade de Relações Internacionais de Moscou (MGIMO), Universidade Estatal de Moscou (MGU), Universidade Russa da Amizade dos Povos (RUDN) e Universidade Nacional de Pesquisa Tecnológica (MISIS)) acolherão a Cúpula Global das Universidades dos BRICS, que contará com a participação de ministros dos países-membros do grupo BRICS, reitores das principais universidades do grupo, representantes de organismos internacionais e dirigentes de centros de pesquisa.

Encontro da Indústria e Comércio dos BRICS é via para integração dos países do bloco

Representantes dos Ministérios do Desenvolvimento, Indústria e Comércio do Exterior dos BRICS estiveram reunidos em Moscou esta semana. O chefe da delegação brasileira, Carlos Gadelha, falou com que ele considera importante principalmente por abrir perspectivas para maior integração do bloco.

O QUE FAZER? NA RÚSSIA*

A palestra marcará o lançamento da primeira tradução para o português do famoso romance “O Que Fazer?” de Tchernichevski, a obra que incendiou a juventude russa para o caminho da revolução no século XIX. A palestra será ministrada pelo tradutor do livro, Angelo Segrillo, historiador da USP formado pela UFF e Instituto Pushkin de Moscou. No lançamento a obra poderá ser adquirida com 40% de desconto sobre o preço de livraria, de R$80 por R$50.

Banco russo injeta milhões de dólares em granja de suínos

US$ 336 milhões. Este é o valor concecido pelo  banco russo Sberbank CIB para a construção de um projeto de suinocultura, que deve favorecer o crescimento da produção de carne suína da Rússia.

O projeto é um importante passo para a produção suinícola russa, uma vez que o país ainda sonha com a autossuficiência na produção de carne suína. Confira mais informações (em inglês) no site Global Meat News.

Médica brasileira da OMS destaca campanhas do Brasil e da Rússia no combate ao tabagismo

Brasil e Rússia estão entre os países que mais avanços têm alcançado no combate ao tabagismo por impor restrições e proibições ao uso dos produtos do fumo. A opinião é da pneumologista e sanitarista Vera da Costa e Silva, Chefe da Secretaria Para a Convenção Quadro Para o Controle do Tabaco, da Organização Mundial de Saúde.

Brasil compra inovação russa para proteção de empresas contra ataques cibernéticos

Uma recente inovação do Centro de Engenharia da Universidade Russa de Investigação Nuclear do Instituto MePHI, que permite a proteção de empresas contra ataques cibernéticos, será implementada no Brasil. O novo equipamento automático se chama Escudo.

A primeira empresa da região a implementar este sistema será a Sanepar — empresa estatal brasileira de abastecimento de água e saneamento do Estado do Paraná — disse o diretor do Centro de Engenharia do MePHI, Dmitry Mikhailov.

Brasil e Rússia vão intensificar comércio de produtos de origem animal

Com o objetivo de intensificar ainda mais o comércio bilateral, Brasil e Rússia assinaram acordo de prelisting para produtos de origem animal. A negociação, concretizada durante viagem oficial da ministra Kátia Abreu a Moscou, marca uma nova fase na relação entre as duas nações devido ao aumento da confiança mútua no sistema de defesa agropecuária. 
 

Banco do BRICS vai aumentar visibilidade e caráter institucional do bloco

O Novo Banco de Desenvolvimento dos BRICS será uma alternativa ao Fundo Monetário Internacional (FMI) e ao Banco Mundial, embora Mboweni admita casos de trabalho em conjunto com esta. O início de operação da instituição do quinteto formado por Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul acontecerá no primeiro trimestre de 2016.

O capital inicial do Novo Banco de Desenvolvimento dos BRICS, que terá sede em Xangai, é de US$ 50 bilhões. O primeiro presidente será o indiano Kundapur Vaman Kamath.

Economista russo diz que Banco do BRICS já repercute positivamente na economia

Nos dias 9 e 10 de julho será realizada em Ufa, na Rússia, a reunião de Cúpula dos BRICS e a reunião do Conselho dos Líderes de Países-Membros da Organização para a Cooperação de Xangai. Sobre esse assunto, a Sputnik conversou com o economista Viktor Ivanovich Grishin, reitor da Universidade de Economia da Rússia Plekhanov.

BRICS treinam com AIIB antes de lançar seu próprio banco

Três países dos BRICS do continente eurasiático são também os três maiores acionistas do Banco Asiático de investimento em Infraestrutura (AIIB, na sigla em inglês), iniciativa com que a China blinda ainda mais o seu poderio econômico internacional.

Nesta segunda-feira, representantes de 50 países-cofundadores do AIIB assinaram, em Pequim, o acordo sobre a criação do banco, dando início formal à sua atividade.

Brasil irá comprar sistemas russos de defesa antiaérea

O Brasil planeja comprar os sistemas russos de defesa antiaérea Pantsir na primeira metade de 2016, disse o embaixador do país na Rússia, Antônio José Vallim Guerreiro.

“A decisão geral sobre a compra foi já tomada, por isso os sistemas serão comprados. Segundo a informação que eu possuo neste momento, a assinatura do acordo está prevista para a primeira metade do ano 2016”, disse em entrevista. 

BRICS - O pós-Bretton Woods?

Alexander Zhebit

A criação de um novo instrumento financeiro internacional, que finalmente saiu do papel na capital cearense, como principal resultado da VI Reunião de Cúpula do Brics, responde ao estupor, em que se encontram os mecanismos financeiros internacionais, na esteira da crise financeira mundial de 2008. Uma reforma do FMI, brecada desde 2010 pelos detentores dos pesos majoritários do capital desta instituição, foi uma das fortes motivações para que os “insatisfeitos” lançassem uma iniciativa arrojada e mais do que necessária, devido à falta de progresso na reformulação dos mecanismos existentes da governança financeira internacional.

A verdade por detrás do abate no voo MH17

Prezados Amigos,

Escrevo a vocês aqui não como presidente da Câmara Brasil-Rússia, mas como cidadão brasileiro e “do mundo”, que desenvolveu algum discernimento sobre as questões geopolíticas atuais, não apenas por minha formação como advogado especializado em Direito Internacional, mas principalmente por vir atuando na área de Comércio Exterior desde 1984, naquela época ainda com apenas 20 anos, e em atividades com a Rússia a partir de 1988 (desde a URSS, residi em São Petersburgo por 4 anos).

Comentário – Gazprom, Rosatom e a Rússia

(em desdobramento ao artigo escrito por mim em 10.03.2014, A Nau Russa Seguirá em Frente)

O mundo inteiro ficou impressionado com a assinatura do contrato entre Rússia e China para o fornecimento de gás natural, publicado com amplo destaque por todos os canais da mídia internacional. O Presidente Putin demonstrou à cena global o estrategista que é, e que não ficaria refém da Europa, e das retaliações que vêm sendo propostas pela União Europeia e EUA. O termo assinado entre a Gazprom e a CNPC, com endosso dos líderes da China e Rússia, também expõe claramente que a China pouco se importa com a proposição de sanções por parte do Ocidente, e seguirá cuidando dos seus próprios interesses, e a proximidade da Rússia como parceira estratégica é fundamental ao desenvolvimento contínuo de sua economia e produção industrial.

Sanções à Rússia: “Os equívocos feitos pela União Européia e EUA”

The Saker, The Vineyard of the Saker
http://vineyardsaker.blogspot.com.br/2014/08/you-wanna-be-uncle-sams-bitch-pay-price.html

Caros amigos,

Fiz uma pausa na minha vida no espaço ‘de carne e osso’, para comentar a grande novidade do dia:[1]

– A Rússia está proibindo, por 12 meses, todas as importações de carne de boi, de porco, frutas e legumes, carne de frango, pescado, queijos e laticínios em geral, da União Europeia, dos EUA, da Austrália, do Canadá e do Reino da Noruega, para a Rússia. A Rússia também fechou o espaço aéreo para linhas europeias e norte-americanas que sobrevoem [seu] espaço aéreo para o leste da Ásia, a saber, a Região do Pacífico Asiático, e está considerando mudar os pontos chamados de entrada e saída do espaço aéreo russo, para voos europeus, agendados e charter.

Crise Geopolítica Global – Rússia, Ucrânia e o Brasil

"GUERRA E DEPRESSÃO"

O móvel da oligarquia financeira para desencadear guerras em grande escala, bem como conflitos localizados, é ganhar mais poder, subordinando países e regiões ao império e enfraquecendo os que poderiam conter essa expansão. 

2. Na 1ª e 2ª Guerras Mundiais, respectivamente França versus Alemanha e Alemanha versus Rússia (União Soviética), as potências angloamericanas só se engajaram com intensidade, no final, para ocupar espaços, estando aqueles contendores desgastados.